Apesar do contentamento de Elon Musk e da SpaceX com o sucesso do “salto” do Starhopper, e de ter revelado oficialmente em setembro a Starship, o administrador da NASA, Jim Bridenstine, felicitou o feito, mas não sem antes deixar um recado “acutilante” na véspera da revelação: “Estou ansioso com o anúncio que a SpaceX vai fazer amanhã. No entanto, o programa Commercial Crew está anos atrás do seu deadline. A NASA espera ver o mesmo nível de entusiasmo focado nos investimentos feitos pelos contribuintes americanos. É tempo de apresentar resultados”.

O comentário tem a ver com os constantes adiamentos do Crew Dragon, a contribuição da SpaceX para o programa comercial tripulado. Em resposta ao administrador da NASA, Elon Musk convidou-o para visitar a sua empresa e verificar ele mesmo o progresso no programa. A visita de Jim Bridenstine vai acontecer na próxima quinta-feira, 10 de outubro, para assistir aos planos da empresa para levar astronautas para a Estação Espacial Internacional.

Depois da visita, segue-se uma conferência de imprensa com os jornalistas, incluindo os líderes da NASA e SpaceX, Jim Bridenstine e Elon Musk, respetivamente, assim como os astronautas da Agência americana, Bob Behnken e Doug Hurley, que são os pilotos de teste da Demo-2. A conferência será transmitida diretamente da conta do Twitter do administrador da NASA.

O plano da NASA é transportar astronautas através da Crew Dragon da SpaceX, um passo que será importante para mandar a próxima missão tripulada para a Lua, onde se irá incluir a primeira mulher a alunar, como parte do programa Artemis, em 2024.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.