Cisco, Microsoft e Samsung acabam de assinar protocolos de cooperação com o Ministério da Justiça no âmbito do projeto-piloto Tribunal +, formalizando uma colaboração que já está em curso.

A iniciativa prevê a transformação dos tribunais com o objetivo de oferecer mais informação aos cidadãos e mandatários, e passa por alterar a forma como as pessoas são recebidas no Tribunal, mas também pela mudança dos sistemas internos.

A ideia é aplicar as mesmas lógicas já usadas nas Lojas de Cidadão para o fluxo de informação e de encaminhamento mais inteligente dos cidadãos que se dirigem aos serviços da Justiça, e está integrada no plano Justiça Mais Próxima.

A medida já tem um piloto a decorrer no Tribunal de Sintra, um dos maiores do país, e o objetivo é testar todas as soluções e depois disseminá-las por tribunais de diferentes dimensões, por todo o país, referiu Anabela Pedroso em entrevista ao TeK, numa primeira divulgação do projeto.

Cisco, Microsoft e Samsung estão envolvidas no piloto do Tribunal + aplicando as suas competências em diferentes áreas, desde a telepresença à gestão das salas de audiência e outras ferramentas de apoio à gestão. O projeto conta também com a colaboração da Portugal Telecom. De momento estes são os exemplos existentes, mas a participação no projeto está aberta a outras empresas interessadas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.