Andorra e Portugal preparam-se para assinar um memorando de entendimento com vista à troca de "experiências e resultados" relativos aos modelos de aplicação ao ensino das Tecnologias de Informação e Comunicação.

O acordo será formalizado hoje entre o primeiro-ministro de Andorra, que se encontra no grupo dos Estados com uma Agenda Digital mais avançada, e o secretário de Estado adjunto das Obras Públicas e das Comunicações, Paulo Campos.

Andorra é, por vezes, referida como um dos exemplos no que respeita à implementação das TI, sendo considerado um território onde não existe o chamado digital divide, ou seja conta com uma distribuição uniforme entre a população no que respeita ao acesso às tecnologias.

O principado apresenta bandeiras como o objectivo de promover o acesso universal à banda larga de 100 Mbps, contando em 2010 com 11 mil clientes de fibra óptica, no universo de 70 mil habitantes do país.

A assinatura do memorando de entendimento acontece esta manhã, durante uma visita dos representantes políticos a uma das escolas a uma das escolas portuguesas já dotadas de novas tecnologias, a Escola Básica do Bairro do Armador, em Lisboa.

O encontro acontece no âmbito da deslocação de Jaume Bartumeu a Portugal, onde as questões relacionadas com a comunidade portuguesa, que representa quase um quinto da população do principado de Andorra, e as relações económicas entre os países dominam a agenda.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.