A Sony pretende comercializar a partir de finais do próximo mês de Abril, no Japão, o leitor de livros electrónicos LIBRIe, um dispositivo de baixo consumo de energia que recorre à tecnologia Electronic Paper Display da Philips, por sua vez baseada na E-Ink.



Esta iniciativa da Sony recupera o conceito de leitor digital dedicado de livros (eBook), que muitos consideram que já está ultrapassado no mercado ocidental. Recorde-se que ainda recentemente se assistiu à desistência da Barnes&Noble na venda destes formatos.



Com capacidade para armazenar 500 livros de 250 páginas cada, o LIBRIe só consome energia quando se muda a imagem que aparece no ecrã, o que permite aos utilizadores lerem mais de 10 mil páginas antes que seja necessário trocar as pilhas ao equipamento, segundo explica a fabricante em comunicado.



O ecrã do LIBRIe apresenta uma resolução de 170 pixels por polegada, oferecendo, segundo a Sony, uma experiência de leitura idêntica à proporcionada por um jornal, até pelo contraste entre o preto da letra e o branco do ecrã, sendo fácil de ler "com a luz forte do sol", como em "ambientes de fraca luminosidade".



Similar em tamanho e design a um livro de bolso, o LIBRIe pesa 190 gramas, distribuídos por 12,6x19x1,3 de dimensão, e inclui uma port USB 2.0, um teclado Qwerty e entradas para gravação e audição de som.



Notícias Relacionadas:

2004-01-27 - Philips desenvolve protótipo fiável de ecrãs moldáveis

2003-09-10 - Barnes&Noble desiste da venda de eBooks

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.