A atualização centra-se, principalmente, em corrigir algumas coisas que saíram menos bem na versão anterior, lançada no início de setembro, como por exemplo o log in automático noutras contas da Google, para sincronização.

Na versão 69, a gigante tecnológica introduziu uma funcionalidade que causou alguma polémica porque fazia com o browser fizesse automaticamente o log in dos utilizadores numa das suas contas Google, como o Gmail ou o YouTube, sincronizando com o histórico, bookmarks e passwords guardados nos servidores da empresa.

Na mais recente atualização, “emenda-se” a situação introduzindo uma opção para que os utilizadores desativem a sincronização automática, isto porque esta vem a funcionar de origem. Quem não quiser partilhar o seu histórico de navegação com a Google tem de aceder às configurações e desativar a opção "à mão".

tek chrome 70

Com a versão 70 do Chrome chega também uma funcionalidade de segurança que “obriga” o utilizador a sair do modo full screen sempre que surja alguma notificação de informação delicada, para garantir que é mesmo vista. O browser mantém os avisos de “não seguro” e o ícone vermelho quando os utilizadores inserem passwords ou dados pessoais em qualquer página HTTP.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.