Os comentários feitos pela mulher envolviam o antigo líder iraniano Ayatollah Khomeini e foram feitos pela mulher de 47 anos durante umas férias no Irão.



Quando Roya Saberi tentou embarcar de regresso ao Reino Unido tinha à espera representantes das autoridades que a detiveram por ofensas e ao regime e tentativa de manipulação da opinião pública, ações que foram consideradas pelas autoridades um risco à segurança do país.


A mulher em questão tem cidadania britânica e iraniana, mas vive em Inglaterra há seis anos. Estava no Iraque para passar três semanas de férias com amigos.



Está detida desde outubro do ano passado, numa ação que não foi comunicada a qualquer familiar da detida. Foi encontrada pelo marido que passou oito semanas no país à procura até descobrir o efetivo paradeiro da mulher.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.