Tecnologia para vestir e roupa adaptada a necessidades individuais relacionadas com a saúde, o desporto, a qualidade de vida e o entretenimento serão demonstradas numa conferência concebida e organizada pela Comissão Europeia, em Bruxelas, no próximo dia 15 de Outubro.



Denominado "The EU apparel business goes high-tech", o evento pretende demonstrar às empresas como usar a sociedade da informação para melhorar a sua produtividade e competitividade e aproveitar as diferentes oportunidades de modo a chegar a actividades de valor acrescentado, como o scanning corporal a três dimensões, a "experimentação" virtual de roupas, costumização de massas, roupa multi-funcional, retalho online e outros géneros de soluções de comércio electrónico.



Segundo Erkki Liikanen, comissário europeu para as Empresas e Sociedade de Informação, que no dia 15 de Outubro dará início à conferência, a concepção de têxteis e roupas à medida para melhorar a qualidade de vida daqueles que os usam oferece novas oportunidades à indústria. "As empresas que pretendam ter sucesso no competitivo mercado actual não podem parar", defende o comissário que continua afirmando que a inovação não significa apenas a invenção de novos produtos. "Significa a transformar e alargar o conjunto de produtos e serviços, adaptar a produção e os métodos de entrega e actualizar constantemente os métodos de gestão, a organização do trabalho e as qualificações profissionais".



O comissário pretende encorajar o sector europeu do vestuário a apostar em actividades inovadoras, aplicando as tecnologias da informação e comunicação nos seus produtos e serviços, de modo a fortalecer a sua posição competitiva.



A conferência irá divulgar algumas das estratégias seguidas por empresas inovadoras, apostando igualmente como demonstrar um variado número de projectos de pesquisa co-financiados pela EU sob o programa temático IST do Quinto Programa Quadro de pesquisa e desenvolvimento.



Uma vez que os consumidores europeus se estão a tornar mais sofisticados e exigem produtos cada vez mais individualizados, a conferência irá exemplificar formas para melhor aproveitar TIC para propósitos de personalização de roupa, costumização de massas, realçando a flexibilidade, a velocidade e a qualidade de serviço e produto.



Até agora o comércio electrónico business-to-consumer (B2C) tem sido prejudicado neste sector por problemas relacionados com o "experimentar, sentir ou tocar", cor, logísticas e entrega. A conferência irá analisar os desenvolvimentos tecnológicos efectuados para tentar ultrapassar estes desafios, e irá explorar as áreas onde a futura investigação e inovação é necessária.



A conferência também irá examinar a forma como as tecnologias da sociedade da informação podem criar novas estruturas de rede entre companhias e fronteiras nacionais, que beneficiam as PMEs em particular, possibilitando-lhes a exploração conjunta de actividades fragmentadas e procura mundial por fornecedores e mercados.



Notícias Relacionadas:

2002-09-13 - Levi's vende calças com bolso anti-radiação para guardar telemóvel
2002-05-06 - France Telecom desenvolve protótipo de ecrã maleável para inserir na roupa
2001-11-06 - Vista o seu clone virtual no site da Macmoda

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.