A pesquisa, encomendada pela CA Technologies, revela que 96% das empresas da região usam sistemas deste tipo, um número que fica 26% acima dos valores apurados como média para os países analisados.



Embora Portugal e Espanha se destaquem nesta área, na Europa a procura de sistemas de gestão de identidades e acessos tem vindo a crescer. Em 2009 cresceu 25% e este ano deverá crescer 70%.



A opção por estas soluções num modelo de serviço (as-a-service) é outro destaque do estudo, onde se revela que 38% das empresas europeias já usam serviços on demand puros.



O valor volta a garantir a liderança da região ibérica neste aspeto, ficando 16% acima da média apurada para os países que entraram na análise, revela o Digital Identities and the Open Business, realizado pela Quocirca.



O estudo mostra ainda que 21% das empresas preferem confiar em modelos híbridos, que misturam soluções on demand com soluções instaladas na empresa.



Foram inquiridos nesta pesquisa 337 responsáveis de médias e grandes empresas. Os países envolvidos no estudo foram Benelux, França, Alemanha, Israel, Itália, países nórdicos, Reino Unido, Portugal e Espanha.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.