O elemento revolucionário do Falcon 9, da SpaceX, reside na reutilização do foguetão. E depois de ter sido lançado pela primeira vez, fica a pergunta: quantas mais vezes vai descolar a aeronave? De acordo com Elon Musk, cerca de 300.

Em interação com um outro utilizador do Twitter, Musk confirmou que a empresa vai desenvolver entre 30 a 40 núcleos para potenciar "mais ou menos 300 missões", que decorrerão ao longo dos próximos cinco anos - cada um dos núcleos também será utilizado em várias ocasiões.

Depois deste período, o Falcon Heavy vai tomar as rédeas da maioria das missões da empresa. Musk acredita que o foguetão será capaz de concretizar viagens à Lua, Marte, e potencialmente, outros planetas.

Atualmente, os custos envolvidos numa missão com o Falcon 9 chegam a atingir os 50 milhões de dólares. A teoria diz-nos que este valor vai cair à medida que o foguetão for sendo reutilizado.

A última missão decorreu no passado dia 10 de maio.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.