Sem surpresas, Bill Gates volta este ano a liderar a lista dos mais ricos da América. O patrão da Microsoft tem uma fortuna avaliada em 54 mil milhões de dólares, cerca do dobro do património atribuível a Larry Elllison, o segundo patrão da tecnologia com nome na lista dos mais ricos dos Estados Unidos. Entre os dois está Warren Buffett, com uma fortuna avaliada em 45 mil milhões de dólares, segundo a lista da Forbes.


Recorde-se que em Março deste ano Gates perdeu o título de homem mais rico do mundo para o mexicano Carlos Slim, mas a descida não abalou a sua liderança no top americano. Nesta avaliação doméstica há aliás a registar um reforço da posição, com os 4 mil milhões de dólares que a fortuna pessoal do fundador da Microsoft cresceu entre a elaboração dos dois rankings.

Fora dos lugares cimeiros do ranking, mas em forte ascensão, está Mark Zuckerberg, o fundador do Facebook, que mais do que triplicou a sua fortuna no último ano, para 6,9 mil milhões de dólares. Zuckerberg, com 26 anos, ocupa agora a 35ª posição da tabela.


Outros nomes da tecnologia em destaque nesta lista são os fundadores da Google, que asseguram a 11ª posição da tabela, Larry Page e Sergey Brin com fortunas avaliadas em 15 mil milhões de dólares. Ambos ultrapassaram já nomes como Michael Dell, fundador da Dell, Steve Ballmer ou Paul Allen, presidente executivo e co-fundador da Microsoft, respectivamente, que estão entre a 15ª e a 17ª posição da tabela.


Steve Jobs, patrão da Apple surge na 42ª posição da tabela com uma fortuna avaliada em 6,1 mil milhões de dólares.


Na lista dos 400 mais ricos da América, a Forbes identificou um crescimento do valor total das fortunas contabilizadas de 8 por cento, para 1,37 biliões de dólares. Mais de metade dos visados pela revista que anualmente conta "as notas" dos mais ricos aumentaram as suas fortunas entre o ano passado e este ano.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.