O governo vai investir 3,8 milhões de euros em instituições de ensino superior, que em parceria com entidades da Administração Pública, tem como objetivo desenvolver projetos de inteligência artificial ligados à prevenção de doenças oncológicas e diabetes.

Em declarações à TSF, o Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, refere que estes projetos se concentram na saúde, sobretudo nas áreas da prevenção das doenças. O objetivo é utilizar a informação pública sobre doentes e dados sobre consultas, de forma a criarem bases para diagnósticos com melhor informação e antecipação de tratamentos.

O governo estima um período de 18 meses para o desenvolvimento dos projetos, acreditando que podem criar novos postos de trabalho. O Ministro utiliza o relatório do World Economic Forum para salientar que durante os próximos quatro anos existe uma possibilidade de crescimento de 10% de emprego, relacionado com as novas tecnologias digitais. Os 3,8 milhões de euros serão distribuídos a 15 projetos de investigação.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.