Depois de ter já reafirmado a sua opção de liquidar definitivamente os bens da empresa, o Napster pode agora ter um novo comprador. O Private Media Group, um grupo espanhol de conteúdos de entretenimento para adultos, anunciou ontem que fez uma oferta para adquirir a marca Napster e o endereço Internet www.napster.com.



Embora esteja ainda sujeita a aprovação por parte do Tribunal de Falências encarregue do caso Napster, esta oferta poderá ajudar a empresa a liquidar as suas dívidas, apesar de estar muito longe da proposta da Bertelsmann que se elevava a oito mil milhões de dólares.




O Private Media Group, que se apresenta como o líder em produtos, conteúdos e serviços de entretenimento para adultos, quer usar a marca do Napster para criar um ambiente peer-to-peer (P2P) que possibilite aos consumidores de conteúdos desta área trocar ficheiros gratuitamente e ainda aceder a alguns serviços pagos.




Em comunicado, Charles Prast, Presidente e director executivo do Grupo, afirma calcular que mais de 35 por cento de todo o conteúdo trocado em redes P2P seja de natureza pornográfica, ou conteúdos para adultos, o que levanta problemas de defesa de direito de autor numa indústria que actualmente tem mais de 150 milhões de utilizadores.

Notícias Relacionadas:

2002-09-04 - Napster com fim à vista

2002-05-20 - Bertelsmann evita falência do Napster por oito milhões de dólares

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.