A Nokia anunciou um novo corte na sua equipa de trabalho. Segundo o vice-presidente da divisão de serviços da fabricante, Niklas Savander, serão eliminados 450 postos de trabalho a nível mundial, um número que se junta aos 1.700 já anunciados no mês passado.

Os funcionários dispensados pertencem à unidade de serviços da Nokia, área que reduzirá os seus investimentos, refere o responsável frisando que esta estratégia tem como meta "ajustar as operações e os custos à procura do mercado de forma a garantir a competitividade da empresa no futuro". Com isto, a fabricante pretende também "acelerar o desenvolvimento de uma plataforma comum para a oferta de diversos serviços".

Simultaneamente, a empresa finlandesa anunciou que está a planear focar os seus trabalhos num número mais reduzido de projectos, abrindo as portas a uma maior cooperação com fornecedores externos de serviços.

Como tal, a partir de agora, a Nokia oferecerá todos os seus jogos para telemóveis através da loja virtual Ovi Store e incluirá nos seus equipamentos os serviços de outros fornecedores de Internet.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.