A Europa é a região do globo que mais pesa no negócio da Novabase fora de portas. Em 2015 a faturação aí cresceu 44% e passou a representar mais de metade do negócio internacional da tecnológica nacional.

O facto de a empresa ter ganho vários contratos para a Comissão Europeia é destacado na nota de resultados, onde se sublinha a importância deste contributo para as contas apuradas. Os contratos em questão estão ligados à área de Managed Services (outsourcing).

Em termos globais, a faturação obtida em 2015 pela Novabase fixou-se nos 231,6 milhões de euros e permitiu à empresa crescer 5%. No negócio internacional o crescimento foi maior e chegou aos 22%. O resultado líquido seguiu a mesma tendência positiva e cresceu para 7,4 milhões de euros. No ano anterior, os lucros da Novabase tinham atingido os 3,1 milhões de euros.

Este ano a empresa vai manter a aposta na internacionalização, mas tem planos para limitar a exposição nos mercados emergentes e em situação mais volátil.  A empresa acredita que estes ajustes lhe permitirão alcançar um volume de negócios superior a 215 milhões de euros. Quase metade deste valor (45%) será obtido fora de Portugal.  

 

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.