Quinta-feira, 18 de abril de 2019, ficará na história da rede social de partilha de imagens Pinterest, como o início do seu percurso enquanto empresa cotada. As ações da empresa chegam à Bolsa de Nova Iorque a valer 19 dólares, o que atira o valor total da empresa para os 12,7 mil milhões de dólares, qualquer coisa como 11,3 mil milhões de euros, segundo o The New York Times.

No IPO, a Oferta Pública Inicial, foram colocadas no mercado 75 milhões de ações, que renderam à empresa cerca de 1,4 mil milhões de dólares. Os especialistas dizem que a operação está a seguir uma linha conservadora para garantir consistência no preço das ações depois da chegada ao mercado.

Pinterest pediu para entrar em bolsa e é avaliado em 12 mil milhões de dólares
Pinterest pediu para entrar em bolsa e é avaliado em 12 mil milhões de dólares
Ver artigo

Na informação entregue ao regulador do mercado de capitais norte-americano em março, o Pinterest revelou que tem 250 milhões de utilizadores mensais ativos. Também detalhou que a maioria dos seus utilizadores são mulheres e garante que nos EUA oito em cada 10 mães usam a plataforma, que no ano passado faturou 755 milhões de dólares.

Gigantes tecnológicas lideram Top 10 das marcas mais valiosas do mundo
Gigantes tecnológicas lideram Top 10 das marcas mais valiosas do mundo
Ver artigo

No mês passado também Lyft entrou em bolsa, com um preço por ação de 72 dólares (que não voltou a ser alcançado). A concorrente Uber prepara-se para fazer o mesmo. Em comum os três unicórnios têm o facto de não serem ainda empresas rentáveis e poderem estar bastante longe desse ponto.

Outras plataformas emergentes igualmente mediáticas, com a Airbnb, devem também chegar à bolsa antes do final do ano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.