Até ao final de julho a Samsung já deverá ter vendido mais de 10 milhões de smartphones Galaxy S III, afirmou o responsável pela divisão de comunicações móveis da companhia, J.K. Shin, citado pela AFP.

A confirmarem-se os valores e datas referidos, os 10 milhões de vendas serão atingidos cerca de dois meses após o lançamento do novo topo de gama da Samsung, que ficou disponível nos primeiros mercados a 29 de maio - embora apenas agora comece a ser comercializado no seu país de origem.

As estimativas oficiais foram avançadas hoje durante o evento que marca o lançamento do equipamento na Coreia do Sul, onde a fabricante espera vender 1 milhão de unidades até ao final do próximo mês.

"O Galaxy S3 está, desde o seu lançamento a 29 de maio na Europa, Médio Oriente e Sudeste Asiático", a ter reviews mais positivas que os anteriores Galaxy S 1 e 2", afirmou o responsável, acrescentando que o equipamento também se estava a sair bem nos mercados emergentes.

Atualmente, o modelo equipado com ecrã de 4,8 polegadas e Android 4.0, é vendido em 147 mercados, incluindo Portugal, onde é comercializado desde meados deste mês.

O seu antecessor, Galaxy S II, vendeu 3 milhões de unidades em 55 dias (cerca de mês e meio), sendo considerado o mais bem sucedido modelo da companhia em matéria de recordes de vendas. O primeiro Galaxy S tinha precisado de 85 dias para atingir a mesma marca.

Os números ficam, ainda assim, de certa forma ensombrados quando comparados com os relativos àquele que é o principal concorrente do dispositivo, o iPhone. A última versão do smartphone da Apple, lançada em outubro de 2011, vendeu mais de 4 milhões de unidades em 3 dias.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.