A Toyota anunciou que vai abrir uma nova empresa em Tóquio, no Japão, para acelerar o desenvolvimento de automóveis autónomos. O investimento será de 300 mil milhões de yenes (cerca de 2.8 mil milhões de dólares) e irá empregar 1.000 novos empregados.

O projeto, denominado por Toyota Research Institute-Advanced Development (TRI-AD) será um esforço de diferentes empresas do grupo, incluindo a Aisin e Denso, visando a aceleração da produção do software para a condução autónoma. Em 2016 a Toyota havia formado um centro de investigação na América do Norte nas áreas de inteligência artificial, condução autónoma e robótica.

Em janeiro, a fabricante havia feito um balanço da sua tecnologia, mencionando os veículos equipados com sensores de 360 graus, capazes de detetar objetos pequenos colocados na estrada. Além disso, já dispõe de modelos da marca capazes de comunicar entre si através do seu novo sistema ITS Connect.

A Toyota pretende começar os testes de condução autónoma nos seus veículos elétricos em 2020, recorrendo a inteligência artificial para interagir com os condutores. A TRI-AD será assim um passo importante na estratégia da empresa.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.