A American Civil Liberties Union e a Electronic Frontier Foundation processaram o Departamento de Justiça norte-americano. Com a acção, as duas organizações de direitos civis pretendem obrigar o Estado a especificar de que forma recorre aos telemóveis para monitorizar os cidadãos daquele país.




A queixa foi preenchida sob o Freedom of Information Act, com a American Civil Liberties Union e a Electronic Frontier Foundation a pretenderem obter informações acerca da forma como o governo americano tem conseguido localizar e vigiar suspeitos e grupos de indivíduos recorrendo à telefonia móvel.




As duas organizações consideram que este tipo de procedimento obriga à obtenção de uma autorização do tribunal, o que não acontece no caso do Governo dos Estados Unidos.




Mediante o resultado do processo agora movido, as duas organizações decidirão se avançam ou não com uma queixa relativamente ao processo de monitorização em si.




Notícias Relacionadas:


2008-01-07 - Governos mundiais não respeitam a privacidade dos cidadãos

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.