De acordo com a Anacom, o número de assinantes de pacotes de telecomunicações atingiu os 4,15 milhões no primeiro semestre de 2020, representando um aumento de 4,4% em relação ao mesmo período no ano passado. As ofertas 4P e 5P, que juntam TV, internet fixa, telefone fixo e móvel, foram as mais utilizadas, atingindo 2,08 milhões de subscritores. Seguem-se as ofertas 3P, com 1,66 milhões de assinantes.

Ao todo, as receitas de serviços em pacote apresentaram uma subida de 5,3% face a 2019, totalizando 863,9 milhões de euros. A Anacom indica que se trata do maior aumento registado desde 2018 e que representam agora mais de 50% das receitas retalhistas de comunicações eletrónicas. A receita mensal por subscritor de pacote foi de 35,04 euros, mais 0,7% do que no período homólogo.

Com 40,5%, a MEO é o operador com maior quota de subscritores de serviços em pacote. Segue-se a NOS, com 36,9%, a Vodafone, com 18,8%, e o Grupo NOWO/Onitelecom, com 3,7%. Face ao primeiro semestre de 2019, a Vodafone aumentou a sua quota de subscritores em 0,6%. Já a da MEO manteve-se e as quotas da NOS e do Grupo NOWO/Onitelecom diminuíram 0,4% e 0,3%.

Já a NOS foi o operador com a maior quota de receitas de serviços em pacote, ao todo, 41,7%. A MEO apresenta uma quota de 40,4%, a Vodafone uma de 15,4% e o Grupo NOWO/Onitelecom outra de 2,5%. Em comparação com o período homólogo, a Vodafone aumentou a sua quota de receitas em 1,5%. Por outro lado, a NOS, a MEO e o rupo NOWO/Onitelecom registaram reduções de 0,6%, 0,5% e 0,4%.

MEO ultrapassa NOS e ganha liderança do mercado de TV paga. Serviços chegam a 89,3% das famílias
MEO ultrapassa NOS e ganha liderança do mercado de TV paga. Serviços chegam a 89,3% das famílias
Ver artigo

Recorde-se que, recentemente, a Anacom deu a conhecer que 89,3% das famílias portuguesas já dispunham do serviço de distribuição de televisão por no primeiro semestre de 2020, um aumento de 3,3% face ao mesmo período do ano passado. A entidade reguladora revelou que a MEO passou a ser o prestador com a quota de assinantes do serviço de TV mais elevada (39,8%), ultrapassando a NOS que desceu para os 39,7%. Já Vodafone subiu para 16,7% e a NOWO desceu para os 3,7%.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.