O director executivo da OnAir, George Cooper, anunciou na conferência World Airline Entertainment Association que as companhias aéreas europeias, TAP e BMI vão testar o serviço de comunicações móveis a bordo dos aviões a partir do próximo ano. A nova tecnologia usa um pequeno transmissor dentro do avião que envia e recebe chamadas fazendo depois a ligação à rede telefónica terrestre via satélite.

Os operadores de telefones móveis e de outros dispositivos wireless terão permissão para ligar os aparelhos depois de o avião alcançar os dez mil pés, quando que os leitores de música portáteis e computadores portáteis são permitidos a qualquer momento, esclareceu George Cooper.

Segundo o mesmo responsável, a BMI pretende realizar um teste em 2006 num dos seus aviões Airbus A320. Se obtiver sucesso, a empresa aérea poderá adoptar a tecnologia na rota usada em voos de curta e média distância. A portuguesa TAP, que faz voos para 43 destinos em 25 países a partir de Lisboa, irá colocar o kit da OnAir num dos seus Airbus A321.

A OnAir, uma joint venture da Airbus e da Sita, espera entrar no mercado em 2007. A empresa calcula que o mercado de comunicações móveis em voo será superior a 700 milhões de passageiros em 2009 e que o valor das chamadas de voz a bordo terão um custo entre os 1,88 e os 2,04 euros por minuto e uma mensagem de texto deve custar cerca de 41 cêntimos para enviar ou receber.

Embora ainda necessite de aprovação dos órgãos regulamentadores, os fabricantes acreditam que a tecnologia não interferirá nos sistemas dos aviões devido à baixa potência de transmissão.

Notícias Relacionadas:

2005-07-16 - Siemens e Airbus desenvolvem projecto para permitir comunicações móveis a bordo

2005-06-27 - Maioria dos passageiros aéreos é contra o uso de telemóveis a bordo

2005-06-24 - Autoridades europeias dão parecer favorável à utilização de telemóveis nos aviões

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.