A SeaBubbles é uma startup francesa que pretende simplesmente ser a Uber da exploração da água. A empresa apresentou a Bubble, uma embarcação elétrica e autónoma que opera como um táxi em rios, lagos e outras zonas urbanas com grandes superfícies de água. A empresa pretende lançar o serviço em 50 cidades nos próximos cinco anos.

“Queremos abrir as vias marítimas a todos, em todo o mundo, criando uma nova forma de transportar as pessoas pela água à velocidade de um carro, mas pelo preço de um táxi, sem impacto no ambiente ou na infraestrutura das cidades”. Este é o “statement” da empresa no seu site oficial, reunindo uma equipa de engenheiros aeronáuticos e amantes de desportos motorizados aquáticos, que segundo referem, têm feito os “barcos voar por décadas”.

O projeto é composto por três componentes: barco, a doca e a aplicação. O Bubble, que é um barco elétrico autónomo, que carrega nas docas quando atraca para pegar ou largar passageiros. Depois de atingir os 12 Km/h, o Bubble começa a “voar” por cima da água, evitando que as pessoas enjoem com as ondulações.

A doca pretende ser totalmente independente, recolhendo simultaneamente energia solar, hidráulica e eólica. Enquanto os painéis solares capturam a energia solar, os geradores subaquáticos e turbinas absorvem a força da água e do vento respetivamente. Essa energia é acumulada em baterias, para depois recarregar os Bubbles.

Por fim, todo o serviço será gerido pela aplicação para os smartphones, que permite fazer as reservas das viagens online. Através da geolocalização, os utilizadores podem identificar as docas mais perto do local onde estão e os Bubbles disponíveis. Depois de traçar a rota com o GPS, basta esperarem pela viatura.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.