Um novo relatório apresenta a teoria que Vénus poderá ter tido, outrora, condições semelhantes às da Terra. Liderado por Michael Way e Anthony Del Genio, do Goddard Institute for Space Studies da Agência Espacial Norte-Americana, o estudo indica que, durante dois a três mil milhões de anos, o planeta teria não só um clima estável mas também água em estado líquido, tendo até um oceano. No entanto, um evento possivelmente relacionado com uma acentuada desgaseificação causou uma dramática transformação, deixando-o no seu estado atual.

Diversos investigadores acreditam que Vénus está para além da fronteira habitável do nosso sistema solar, uma vez que se encontra demasiado perto do sol para conseguir suportar a presença de água no estado líquido.O estudo apresentado na edição de 2019 do European Planetary Science Congress, na Suíça, vem demonstrar uma perspetiva contrária. Para formular a sua teoria os investigadores tiveram por base as evidências descobertas pela missão Pioneer Venus da NASA, em 1978, a qual apontou para a possível existência de um oceano no planeta.

Ao criar uma série de cinco simulações com diferentes níveis de cobertura de água e de radiação solar ao longo do tempo, Way e Del Genio concluíram este  foi capaz de albergar, na sua superfície, água líquida. Em todos os cenários Vénus foi capaz de manter temperaturas estáveis entre os 50 e os 20 graus celsius durante três mil milhões de anos.

Até chegar ao seu estado atual, Vénus passou por uma acentuada transformação, a qual continua a intrigar os investigadores do estudo. De entre os cenários formulados, Way e Del Genio acreditam que o mais provável foi uma forte desgaseificação ocorrida há 700 milhões de anos atrás.

Graças a uma vasta quantidade de dióxido de carbono lançada para a atmosfera, a qual não conseguiu ser absorvida pelo solo, o planeta passou a ter uma temperatura média atual de 462 graus celsius.

Segundo os cientistas do Goddard Institute for Space Studies da NASA, num comunicado à imprensa, para chegar a uma resposta definitiva em relação à possibilidade de Vénus ser habitável, ainda é necessária mais investigação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.