A parceria estratégica entre os dois grupos prevê a colaboração no desenvolvimento de uma nova geração de tecnologias de sistemas de condução assistida, condução autónoma em autoestradas e estacionamento autónomo, detalha um comunicado divulgado pela BMW.

O documento precisa que o objetivo é criar soluções de condução autónoma de nível 4. Isto significa que a automação é quase total e que o sistema de condução  se encarrega da generalidade das opções e decisões, embora a presença humana continue a ser exigida no veículo, para intervir em situações excecionais.

BMW e Daimler admitem que estão também a discutir um aprofundamento da parceria a outras áreas, que pode levá-las a juntar esforços também no desenvolvimento de soluções de automação para ambientes urbanos.

Carros elétricos deixam de ser silenciosos até 2021. Novas regras protegem peões e ciclistas
Carros elétricos deixam de ser silenciosos até 2021. Novas regras protegem peões e ciclistas
Ver artigo

Para já, a colaboração vai estar focada “no desenvolvimento de uma arquitetura escalável para sistemas de condução assistida, incluindo sensores, e num data center conjunto para guardar, administrar e processar dados”, explica-se. Será apoiada por uma equipa de 1.200 especialistas em condução autónoma, distribuídos pelos centros de inovação da BMW, da Mercedes e da Daimler.

O acordo agora assinado é uma parceria não exclusiva, o que significa que pode vir a integrar outros parceiros e que a tecnologia desenvolvida pelas duas empresas pode vir a ser licenciada a terceiros.

Os primeiros resultados comerciais da cooperação vão surgir em 2024 mas, à parte da parceria, ambas as empresas tinham já um roadmap definido para a condução autónoma, com a BMW a prever o lançamento de um carro autónomo de nível 3 para 2021 e a Daimler a preparar um programa piloto de condução autónoma urbana com a Bosch, que será lançado ainda este ano, como sublinha o Engadget.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.