Se passear por algumas regiões da Califórnia nos próximos tempos, não se assuste se assistir à circulação de veículos sem condutor. É que vão arrancar os verdadeiros testes da condução autónoma, retirando finalmente da equação, a presença dos condutores em estradas públicas. É o derradeiro teste concedido, pela primeira vez, a uma empresa do setor, neste caso à Waymo, pertencente à Alphabet, da família da Google. Até aqui, os testes requeriam a presença de um condutor ao volante, por questões de segurança.

Os testes vão decorrer perto das instalações da Waymo e os veículos irão circular em Palo Alto, Mountain View, Los Altos, Los Altos Hills e Sunnyvale, na região de Santa Clara, adianta a Mashable. Os veículos irão enfrentar diferentes condições, circulando de noite e dia, em ambientes de nevoeiro e chuva, percorrendo vias com limite de velocidade até 100 km/h.

Para além da Waymo, outras empresas preparam-se para se “fazer à estrada” com as suas soluções autónomas, como a Uber e a Tesla, beneficiando da mudança de regulamentos da Califórnia, em vigor desde abril, que dá a autorização aos testes autónomos sem condutor. O Estado californiano está a preparar-se há anos para o avanço da tecnologia, querendo estar na linha da frente no negócio da mobilidade autónoma, tendo já passado a autorização a cerca de 60 fabricantes para testar veículos com condutor.

Para já, os testes focam-se no transporte de trabalhadores da empresa, mas vai realizar algumas sessões com o público. O objetivo é diminuir o preconceito relativo à novidade dos veículos autónomos e claro, conquistar as pessoas no que diz respeito à segurança da tecnologia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.