A futura versão do Firefox vai integrar "actualizações silenciosas". O recurso, que foi primeiramente introduzido pela Google no seu Chrome, consiste na realização de alterações ao browser sem notificação do utilizador.

A funcionalidade só vai estar disponível na versão para Windows e, segundo os responsáveis da Mozilla, a caixa de diálogo de actualização a partir de agora só surgirá caso existam alterações de relevo, "como a passagem do Firefox 4 para o Firefox 4.5 ou para o Firefox 5", refere Alex Faaborg, um dos engenheiros da empresa, citado pelo ComputerWorld.

A maioria dos updates, principalmente os de segurança, serão descarregados e instalados automaticamente, sem que seja pedida autorização ao utilizador. Em qualquer caso, o utilizador poderá decidir se quiser ser notificado das alterações.

O navegador da Google foi pioneiro neste recurso de fazer com que as actualizações e correções de segurança deixem de ser uma escolha do utilizador, o que na sua opinião torna o programa mais seguro.

A actualização automática faz parte do pacote de melhorias que a Mozilla está a preparar para a quarta versão do seu Firefox, da qual faz igualmente parte a proposta para integrar uma nova forma de organização dos separadores abertos no browser, de nome Tab Candy.

Actualmente na sua segunda beta, o Firefox 4 promete estar pronto até ao final do ano, mas antes deverá conhecer uma terceira versão de teste.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.