A Huawei é conhecida pela sua forte aposta no mercado dos smartphones e das infraestruturas para redes de telecomunicações, em especial no que toca ao 5G, embora se encontre há já algum tempo envolvida num imbróglio com o governo de Donald Trump. Não obstante, a fabricante chinesa quer diversificar a sua área de negócios e planeia entrar ainda mais “a sério” no mundo dos automóveis inteligentes e da condução autónoma.

No evento 2020 China 5G Smart Car Summit, a Huawei deu a conhecer que, embora não tenha intenções de fabricar carros autónomos, quer ajudar as fabricantes deste tipo de veículos a melhorar os equipamentos que produzem, avança a imprensa chinesa. De acordo com Lu Xiaofeng, director geral da linha de produtos V2X da marca, direcionada para veículos inteligentes, atualmente, as necessidades dos condutores mudaram completamente. “Está tudo na «inteligência» do carro: desde a inclusão de controlos de voz à possibilidade de realizar atualizações do software de forma autónoma”, acrescentou o responsável.

Em outubro de 2019, na World Intelligent Networked Auto Conference, Xu Zhijun, o presidente rotativo da Huawei, tinha já dado a conhecer que a fabricante tinha intenções de ter uma maior presença na indústria automóvel,  inspirado pela Tesla. O responsável indicou que a empresa estaria a planear usar a sua tecnologia de redes móveis de quinta geração para desenvolver radares para veículos autónomos.

Já em 2018, a Audi e a Huawei aliaram-se para desenvolver vários projetos na área dos veículos inteligentes. A parceria tem como objetivo “melhorar a segurança e otimizar os fluxos de tráfego para criar cidades inteligentes”. A empresa alemã tornou-se a primeira fabricante de automóveis estrangeira a participar da implementação do padrão de comunicações móveis LTE-V em estradas abertas ao tráfego na cidade de Wuxi, na China.

Fomos andar no carro controlado pelo smartphone da Huawei… e sobrevivemos
Fomos andar no carro controlado pelo smartphone da Huawei… e sobrevivemos
Ver artigo

Ainda nesse ano, a Huawei aproveitou o Mobile World Congress para dar a conhecer a experiência RoadReader num ambiente controlado, na qual o SAPO TEK participou. Nela, era possível utilizar um Mate 10 Pro com processador de inteligência artificial e capacidade de “ver” a estrada e distinguir o ambiente, tomando decisões consoante o que vê, para conduzir um Porsche Panamera.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.