Um novo estudo demonstra que, apesar do contexto da pandemia de COVID-19, os consumidores portugueses ainda mantêm a intenção de aproveitar as campanhas de descontos da Black Friday, marcada para 27 de novembro, no entanto, com uma maior afluência aos canais online.

O estudo, realizado pela Worten em parceria com a Netsonda no final de setembro, detalha que 36% dos consumidores tencionam fazer as suas compras usando apenas as plataformas digitais, um crescimento de 22 pontos percentuais face a 2019 (14%). Em sentido contrário, este ano, a intenção de compra apenas em loja situa-se nos 12%, uma descida de 11 pontos percentuais face ao ano passado (23%).

Black Friday | Estudo Worten/Netsonda
Créditos: Worten/Netsonda

“O contexto da pandemia acelerou muitíssimo o consumo online, quebrando barreiras nos hábitos de compra de milhares de portugueses. Acreditamos que essa tendência veio para ficar e prova disso é o facto de, durante a próxima Black Friday, quase 40% dos portugueses admitir comprar exclusivamente online, afirma Inês Drummond Borges, Diretora de Marketing da Worten.

Apesar da incerteza generalizada face à pandemia de COVID-19, 84% dos inquiridos mantém a expectativa de poder aproveitar as campanhas promocionais da Black Friday e, em média, cada consumidor planeia gastar 321,61 euros, um aumento de 17 euros em relação a 2019.

Os dados dão a conhecer que 87% dos inquiridos admitem comprar para eles próprios. Já 50% dos consumidores manifestam uma intenção de comprar novos produtos para os seus companheiros e 39% tencionam fazer compras para os filhos. À semelhança do ano anterior, os homens continuam a ser os que tencionam gastar mais em compras na Black Friday.

Black Friday | Estudo Worten/Netsonda
créditos: Worten/Netsonda

Neste ano, o top de produtos mais cobiçados continua a ser liderado pelos tecnológicos, com 55%, sendo uma opção procurada por 62% do público masculino. Seguem-se os produtos de moda e acessórios, procurados por 61% do público feminino, com 49%. No terceiro lugar surgem os eletrodomésticos, com 36%.

Nota de redação: A notícia foi corrigida com informação relativa às intenções de compra exclusivamente online e em lojas durante a Black Friday. (Última atualização: 05/11/2020)

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.