O Conselho de Ministros vai aprovar esta semana o Programa de Ação para a Transição Digital, estando já claros alguns objetivos. O Skills Up é um dos projetos já conhecidos e desenvolvidos neste âmbito e quer formar, no prazo de um ano, 3.000 pessoas na área das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC).

A ser disponibilizado na sua página oficial nesta quinta-feira, o Portugal Digital é um plano de ação desenhado para ser "o motor de transformação do país", apostando em três grandes pilares: capacitação digital das pessoas, transformação digital das empresas e a digitalização do Estado.

O objetivo do projeto é "responder a um dos maiores desafios da sociedade portuguesa naquilo que é a sua transição digital: o défice de profissionais qualificados neste setor". Quem o explica é André Arazão Azevedo, secretário de Estado para a transição digital, num vídeo publicado no canal de YouTube do Governo, que garante um salário de 1.200, “acima da média de mercado”.

Em linha com o Programa, e na inauguração das novas instalações da Startup Portugal, o Governo apresentou esta segunda-feira as medidas E-Residency, o novo Startup Hub, o Balcão do Empreendedor e o programa +CO3SO Digital. Entre as novidades está o programa e-Residency, que surge como um novo conceito de cidadania virtual assente em serviços públicos desmaterializados que passam a estar disponíveis para estrangeiros. Foi ainda anunciado que, em breve, todos os sites do Governo passarão a estar disponíveis na língua inglesa por forma a facilitar a obtenção de informação por parte de cidadãos estrangeiros, nomeadamente empreendedores ou investidores.

Como objetivos até 2024, o Plano pretende ainda apostar na digitalização das escolas de ensino básico e secundário, na capacitação digital das pequenas e médias empresas do interior e na inclusão digital de um milhão de adultos.

Estas apostas surgem depois da “pasta” da Transição Digital se ter juntado ao Ministério da Economia em 2019. A área da economia passou a chamar-se Ministério da Economia e da Transição Digital e está a cargo de Pedro Siza Vieira, que assumiu as funções de Ministro Adjunto e da Economia desde 2018.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.