A fase principal do leilão do 5G, que definirá a atribuição de direitos de utilização de frequências nas faixas dos 700 MHz, 900 MHz, 2,1 GHz, 2,6 GHz e 3,6 GHz, entrou hoje no seu 10º dia, superando a duração da fase anterior, reservada a novos entrantes, onde as licitações se prolongaram durante oito dias.

A Anacom avança que, novamente, tiveram lugar seis rondas, desta vez com as melhores propostas a atingirem os 208 milhões de euros, um número que poderá ser mais elevado se os valores divulgados se aplicarem aos vários lotes disponíveis nas faixas de 700 e 900 MHz, o que não é possível perceber pelos dados disponibilizados.

Na faixa dos 700 MHz, o preço de licitação continua nos 19,2 milhões de euros, com um dos lotes a não receber ofertas desde que a fase principal começou, a 14 de janeiro. Na dos 900 MHz, os quatro lotes a leilão não registaram alteração do preço de reserva desde a mesma data.

Por outro lado, o interesse nos lotes na faixa dos 2,6 GHz continua a crescer, com as ofertas a ultrapassarem um valor acima do preço de reserva de 3 milhões de euros. No primeiro e segundo lotes, as melhores propostas passaram para os 7,34 milhões de euros e, no terceiro, situaram-se nos 5,04 milhões.

Já no que toca à faixa dos 2,1 GHz, onde existem dois lotes de 5 MHz cada disponíveis, em vez do valor definido de 2 milhões de euros, as melhores propostas continuam a manter-se nos 10,61 milhões de euros, um valor que não se altera desde o sétimo dia de licitações.

Quanto aos 40 lotes da faixa de 3,6 GHz,  existem ofertas que registam apenas ligeiras variações em relação aos preços de reserva e propostas que não se alteraram face aos dias anteriores.

Recorde-se que, na primeira fase as licitações atingiram os 84 milhões de euros, mas ainda não se sabe quem foram os operadores que participaram, nem que lotes licitaram.

O calendário atualizado para o leilão do 5G indica que os procedimentos, que incluem de seguida a consignação, com a localização geográfica dos lotes ganhos, e a atribuição dos direitos de utilização das licenças, devem concluídos durante o primeiro trimestre de 2021.

Nota de redação: A notícia foi atualizada com mais informação. (Última atualização:18h54 )

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.