Nas sete rondas do 119º dia da fase principal do leilão do 5G as propostas dos operadores alcançaram os 327,953 milhões de euros. O valor representa um aumento de 373 mil euros em relação ao dia anterior, numa subida muito ligeira em relação ao crescimento de 371 mil euros das licitações ao longo dos últimos quatro dias.

A soma de ambas as fases do leilão resulta agora num encaixe potencial de 412,304 milhões de euros. É certo que o valor ultrapassa o preço de reserva fixado pela Anacom nos 237,9 milhões, porém, não cresceu proporcionalmente à longa duração do processo.

Sem fugir à tendência que se verifica desde março, o interesse dos operadores esteve novamente centrado na faixa dos 3,6 GHz, onde hoje se verificam subidas relativamente às propostas de seis dos 40 lotes disponíveis.

Clique nas imagens para mais detalhes

Através dos dados disponibilizados pela Anacom é possível constatar que todos os lotes da categoria J da faixa dos 3,6 GHz já valorizaram mais de 300% face ao preço de reserva. Embora o ritmo de crescimento das propostas seja particularmente vagaroso, alguns lotes já superam a marca dos 330%, destacando-se o J09, que registou uma subida de 342%.

Com o leilão a prolongar-se mais do que o esperado, a Anacom deu ontem a conhecer que aprovou a alteração ao regulamento do leilão do 5G, passando a 12 rondas diárias, o dobro das que se faziam inicialmente, a partir do próximo dia 5 de julho.

A entidade reguladora espera que a mudança “seja suficiente para impedir que o leilão se prolongue excessivamente", porém, não afasta a possibilidade de voltar a alterar as regras, impedindo aumentos de valor de 1 e 3%, que têm sido a norma.

Leilão do 5G passa a ter 12 rondas diárias a partir de 5 de julho. O objetivo é acelerar o processo
Leilão do 5G passa a ter 12 rondas diárias a partir de 5 de julho. O objetivo é acelerar o processo
Ver artigo

De acordo com a Anacom, tem se "verificado um sucessivo e reiterado recurso à licitação com os incrementos de preço mais reduzidos (recorrentemente de 1%)", tal como indica a informação divulgada no seu website, "o que faz com que a progressão do leilão seja particularmente lenta".

Nos dados revelados acerca os cenários de evolução dos valores dos lotes a concurso, a Anacom demonstra que se as licitações realizadas não recorressem a incrementos de 1 e 3%, o mesmo valor acumulado em mais de 100 dias podia ter sido atingido mais rapidamente.

Nota de Redação: A notícia foi atualizada com mais informação. (Última atualização 18h40)

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.