A UMIC - Unidade de Missão Inovação e Conhecimento e a Câmara Municipal de Castelo de Paiva assinaram hoje um protocolo que dará origem ao primeiro projecto-piloto de Redes Comunitárias. Os objectivos deste trabalham passam pela criação ou manutenção de infra-estruturas de comunicações com capacidade para cobrir 95 por cento dos agregados familiares do concelho e 100 por cento dos edifícios públicos.




A primeira fase da iniciativa servirá para realizar um estudo de viabilidade económica da rede e de agregação da procura. Numa segunda fase será adjudicada a criação ou manutenção da rede, processo que poderá obedecer a um concurso público.




Castelo de Paiva foi o município escolhido para realização do primeiro piloto, uma vez que já está coberto por uma rede de fibra óptica, pertencente a uma empresa privada (Águas do Douro e Paiva - do grupo Águas de Portugal).




No âmbito deste projecto a Câmara Municipal compromete-se a ligar as entidades públicas que dependem da sua organização, fomentando a agregação de procura. Ao utilizar esta redes, essas entidades vão gerar tráfego e receitas para o operador que fornece o serviço, tornando o seu investimento na infra-estrutura mais interessante, do ponto de vista económico.




A UMIC traçou nos seus objectivos a implementação de 15 a 18 redes deste tipo, que irão resultar da cooperação entre entidades públicas, detentores de infra-estruturas e produtores de conteúdos. O projecto é financiado pelo Programa Operacional para a Sociedade da Informação e as candidaturas dos municípios foram admitidas sob a forma de manifestações de interesse.




Entre os cerca de 30 municípios que demonstraram receptividade para participar no projecto, a UMIC pretende eleger entre três a quatro onde serão efectuadas experiências piloto, que pretendem definir o melhor modelo a aplicar nos restantes municípios.




O projecto Redes Comunitárias deverá estar concluído em 2006 e o seu objectivo é dotar de infra-estruturas de comunicação em banda larga, regiões desfavorecidas e sua população em condições atractivas e não discriminatórias. Até 2006 deverão estar criadas 15 a 18 zonas piloto no projecto de Redes Comunitárias.




Hoje à tarde a UMIC visitou também uma experiência piloto em Mirandela que liga, através de uma rede wi-fi, um conjunto de entidades públicas. O projecto insere-se no programa Trás-os-Montes Digital e a prazo prevê-se que a cobertura wireless seja alargada a todo o concelho.



Notícias Relacionadas:

2004-02-06 - Semana da Internet - Festa da Banda Larga com acesso a rede de 1 Gbps durante 12 horas

2004-02-06 - Semana da Internet - UMIC e Anacom estudam banda larga em casa e encontram competitividade condicionada

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.