Ontem foi o Solstício de Verão e esta madrugada foi possível acompanhar, diretamente de Stonehenge o nascer do sol sobre as pedras do monumento megalítico em Inglaterra, mas há mais um motivo para os apreciadores de astronomia olharem hoje o céu, com o primeiro eclipse solar de 2020.

Este é um eclipse especial, classificado como eclipse de anel de fogo, ou eclipse anelar, que se deve ao facto da Lua estar demasiado afastada da Terra para cobrir completamente o Sol, deixando passar um circulo de luz no momento máximo do eclipse.

O fenómeno não é observável em todo o mundo, sendo visível apenas em algumas partes de África e da Ásia, onde a Lua bloqueou cerca de 98,81% do Sol no momento máximo, visível no Norte da Índia que teve a melhor observação direta do eclipse de hoje.

Um mapa interativo desenvolvido pela NASA permite verificar as zonas do globo onde se podia visualizar o eclipse de forma direta, e onde a Lua vai cobriu o sol de forma mais completa, já que em algumas regiões será apenas um eclipse parcial. Pode selecionar os pontos referidos na rota do eclipse, ou outros locais, para ver de que forma e a que horas acontece o eclipse.

Em Portugal o fenómeno não pode ser observado diretamente, mas a Internet tem sempre soluções para estas questões, e há várias formas de acompanhar o eclipse. O projecto Virtual Telescope está a acompanhar o eclipse há mais de 6 horas e a transmissão pode ser acompanhada no site, ou diretamente no YouTube.

A equipa do projeto está a acompanhar também com comentários e imagens que está a receber de vários colaboradores astrónomos no mundo inteiro.

Estas são algumas das imagens que já foram partilhadas, captadas sobretudo na Índia e no Paquistão.

As nuvens dificultaram a observação e a captação de imagens em algumas localizações, como mostra o tweet da CNN Filipinas

Também o  Observatório Astronómico Nacional do Japão tem uma emissão online, acompanhada de comentários em japonês, sobre o eclipse solar de 21 de junho. Na tabela abaixo pode ver os horários das várias fases do eclipse, com indicação da hora em Portugal.

Calendário eclipse solar junho 2020
créditos: Time and Date

Este não será o último eclipse de 2020 já que no dia 14 de dezembro vamos poder acompanhar um eclipse total do Sol, mas que não será também visível em Portugal.

No final de 2019 um eclipse com anel de fogo foi também visível na Ásia, mas há cerca de um ano um eclipse solar total revelou também algumas das imagens mais espetaculares do fenómeno, que o SAPO TEK partilhou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.