A Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica (UNC3T) da Polícia Judiciária, identificou, localizou e capturou um indivíduo pela prática continuada de vários crimes de burla e falsidade informática. A investigação teve início em 2017, após registo de diversas queixas de cidadãos, relacionados com o uso indevido de dados dos seus cartões de crédito. Estes eram depois utilizados em plataformas de jogo “online”, refere o comunicado.

Durante a investigação, a Polícia Judiciária identificou 22 cartões de crédito utilizados na fraude. Foram efetuadas buscas ao domicílio do suspeito, com apreensão de documentos e equipamentos utilizados na atividade criminosa.

O suspeito detido será presente aos serviços do Ministério Público para interrogatório e aplicação de medidas de coação adequadas.

Ainda há poucos dias a mesma unidade da PJ havia detido uma mulher suspeita de burla informática através do OLX, utilizando a plataforma MBWay.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.