A Nokia revelou hoje que os primeiros smartphones a comercializar no âmbito da parceria firmada entre a fabricante finlandesa e a Microsoft serão suportados em chipsets da Qualcomm.



O sistema operativo da Microsoft, que passará a ser a plataforma preferencial da Nokia para as linhas de smartphones, está disponível apenas para chips da Qualcomm, mas a dona do Windows já tinha afirmado a intenção de expandir a base de fornecedores.



A Nokia vem agora confirmar a mesma intenção, mas assegurando que os primeiros produtos mantêm o suporte da Qualcomm.



"Os primeiros Nokia baseados em Windows Phone vão ter chipset Qualcomm, mas o nosso objectivo é criar um ecossistema vibrante em torno da Nokia e do Windows Phone SO", explica um porta-voz da Nokia.



"Com essa intenção vamos naturalmente continuar a discutir com vários fornecedores de chipsets para o nosso futuro portfólio de produto", adiantou o responsável, citado na imprensa internacional.



De acordo com a mesma fonte, entre as empresas com quem a Nokia tem negociado parcerias nesta área estará a Ericsson.



A parceria entre a Nokia e a Microsoft foi anunciada no início deste ano e junta as duas empresas no esforço de assegurar terreno no competitivo mercado dos smartphones, que tem sido um motor de crescimento do mercado móvel.



Ainda não há uma data definida para o lançamento dos primeiros equipamentos que resultam da coordenação de esforços das duas empresas, mas aponta-se o final do ano ou início do próximo como datas prováveis.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.