Anunciada hoje na primeira conferência de desenvolvedores da fabricante de dispositivos, em Pequim, a aliança é um casamento entre o gigante chinês da internet, Baidu, e uma das empresas privadas mais valiosas do mundo, a Xiaomi.

tek baidu

Apesar de não terem sido revelados pormenores da parceria, esta promete render bons frutos com ambas as empresas a confirmarem que vão explorar recursos de reconhecimento de voz, de deep learning e de visão computacional e vão concentrar esforços no DuerOS, o sistema operativo da Baidu que já está presente em alguns produtos da Xiaomi.

Com uma capitalização de mercado de 86 mil milhões de dólares, a Baidu, considerada a Google da Ásia, opera em áreas como a robótica, realidade artificial e virtual e carros autónomos.

A Xiaomi é uma das maiores vendedoras de smartphones do mundo e, apesar de concentrar a quase totalidade do seu negócio na China, fez, em meados deste ano, um investimento de mil milhões de dólares para colocar em marcha um plano para consagrar a sua expansão além-fronteiras.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.