Depois de ter dado a conhecer no início de junho que a edição de 2021 da Consumer Electronics Show estaria de volta a Las Vegas com novas regras para evitar o risco de propagação e contágio com a COVID-19, a Consumer Technology Association (CTA) revela que, afinal, o evento vai realizar-se exclusivamente no mundo digital.

A CTA avança em comunicado que, devido à pandemia, “não é possível reunir com segurança dezenas de milhares de pessoas em Las Vegas”. “Uma CES 2021 totalmente digital vai permitir à comunidade tecnológica partilhar ideias e dar a conhecer novos produtos de uma forma mais segura”, explica a organização do evento. O regresso físico a Las Vegas está marcado para 2022.

Ainda em junho, a CTA já tinha anunciado que, em linha com alguns dos eventos tecnológicos que se realizaram no contexto de pandemia, a CES 2021 contaria com várias sessões disponíveis através de transmissões online em direto.

A exposição de novos produtos é um dos pontos altos da CES, e a organizadora do evento promete manter as típicas revelações, mas através de um showroom virtual, onde os participantes poderão explorar as inovações tecnológicas consoante os seus interesses. O networking também não ficou esquecido e será possível interagir digitalmente com as empresas tecnológicas presentes.

CES 2020: CTA quer que a CES cresça mas sem se tornar “desconfortável” para visitante e expositores
CES 2020: CTA quer que a CES cresça mas sem se tornar “desconfortável” para visitante e expositores
Ver artigo

Recorde-se que em janeiro, meses antes de a Organização Mundial de Saúde ter declarado o estado de pandemia a nível mundial, a CES 2020, onde o SAPO TEK esteve presente, reuniu mais de 175.000 participantes. Além de ser um palco para a apresentação de novas tecnologias, o evento desempenha um papel importante na dinamização na economia local.

A pandemia de COVID-19 está a levar ao cancelamento ou reestruturação de inúmeros eventos tecnológicos, como a Web Summit. Em junho, Paddy Cosgrave no Twitter que o evento que tem lugar em Lisboa ia ter uma componente física, mas a organização comunicou que a conferência vai decorrer em duas formas, com a plataforma online a garantir o suporte até 100 mil participantes. A exposição e conferências físicas ainda têm de ser "validadas" pelas autoridades em outubro, e estão condicionadas à evolução da pandemia.

Web Summit 2020 é online e offline e muda de data para dezembro
Web Summit 2020 é online e offline e muda de data para dezembro
Ver artigo

A data de realização vai mudar para dezembro, quase um mês depois do previsto para o evento que nos últimos anos traz a Lisboa perto de 90 mil empreendedores entre os dias. As novas datas são entre 2 e 4 de dezembro, num modelo que é também mais curto do que os quatro dias que a conferência normalmente ocupa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.