A RIM vai ser obrigada a pagar 147,2 milhões de dólares (120,2 milhões de euros) para indemnizar a Mformation Technologies. A decisão é o culminar de um caso de violação de patentes intentado pela fabricante, que ganha o direito à indemnização por danos.



A justiça também decidiu que a dona dos telemóveis BlackBerry terá de pagar um valor adicional de 8 dólares por cada smartphone vendido pela RIM nos Estados Unidos e ligado ao software que viola a patente, o que perfaz mais de 18 milhões de equipamentos.



A justiça concluiu que o software usado pela RIM para assegurar a gestão de um parque de equipamentos BlackBerry numa mesma rede, o BlackBerry Enterprise Server, viola uma patente da Mformation, empresa que dedica a sua atividade à reparação, atualização e gestão remota de telemóveis.



O caso em tribunal foi iniciado em 2008, altura em que a empresa acusou a RIM de usar detalhes que lhe foram revelados durante a negociação para o licenciamento da tecnologia da Mformation, que assegura que a RIM modificou o seu sistema para integrar a tecnologia patenteada, sem as devidas permissões.



A RIM negou sempre as alegações sustentando que a patente da Mformation era inválida.






Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico




Cristina A. Ferreira

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.