A popularidade da PlayStation 2 arrastou o suporte fornecido pela Sony para além daquele que seria o seu ciclo normal de vida. Uma vez que os estúdios de primeira linha continuaram a fazer jogos para o sistema, e que os utilizadores continuavam a dar-lhe uso mesmo depois de a empresa nipónica ter estreado uma nova geração de consolas fixas, a produção continuou, tal como a assistência técnicas e os serviços de reparação. Note que só 13 anos depois de chegar às lojas é que a PS2 saiu das linhas de montagem.

500 milhões depois, a PlayStation 2 continua a dominar o top de vendas das consolas Sony
500 milhões depois, a PlayStation 2 continua a dominar o top de vendas das consolas Sony
Ver artigo

Esta semana, contudo, assinala a data em que a consola deixará de ser oficialmente suportada pela marca. De acordo com o portal de gaming Kotaku, a Sony vai deixar de oferecer assistência à consola já a partir desta sexta-feira. Isto significa que a empresa já não se vai responsabilizar por qualquer reparação que seja solicitada a uma unidade desta consola.

Antes de oficializar a notícia, a tecnológica deu uma oportunidade a todos os utilizadores com consolas avariadas que se registassem para uma última reparação. O prazo terminou no passado dia 31 de agosto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.