Com o aproximar da data de desligamento da televisão analógica cresce a preocupação com os utilizadores que dependem destas emissões para receber o sinal de TV. Segundo a Anacom, 1,5 milhões de casas só recebem televisão em canal aberto e vão ter de se preparar para a mudança da tecnologia para a Televisão Digital Terrestre (TDT).

O regulador do mercado de telecomunicações já tinha definido a data para desligar as emissões analógicas, num calendário progressivo que tem início em Janeiro de 2012 nas zonas do Litoral e fica cumprido em 26 de Abril do mesmo ano. O plano final foi aprovado na passada 5ª feira e foi hoje publicado no site da Anacom.

Considerando o número total de famílias em Portugal e o número de assinantes dos serviços de televisão paga, e depois de ouvir os operadores, o regulador calcula que o número de casas que só recebe TV em sinal aberto é de 1,5 milhões, um valor bastante significativo, dado que se cada família tiver pelo menos três pessoas se refere a um universo de mais de 4 milhões de pessoas.

A Anacom lembra que apesar da mudança que se avizinha há equipamentos que se podem manter, como grande parte das antenas e até as televisões antigas, desde que usando uma caixa descodificadora para TDT. No caso das televisões novas é essencial que estas suportem a norma DVB-T e a descodificação de vídeo MPEG-4/H.264 para poderem sintonizar as emissões digitais sem recorrer aos descodificadores.

O TeK tem vindo a publicar uma série de artigos sobre a Televisão Digital Terrestre, nomeadamente um conjunto de perguntas frequentes sobre a nova tecnologia que substitui as emissões analógicas em 2012.

Agora a Anacom vem esclarecer mais uma das dúvidas, sobre a utilização das antenas. De acordo com o regulador do mercado, as actuais antenas exteriores e interiores podem sintonizar a TDT, só precisando de ser reorientadas. Entre os
equipamentos compatíveis estão as "antenas bacalhau", antena exterior de tipo Yagi, ou as antenas interiores planas, como as que estão nas imagens abaixo.

[caption]antenas TDT[/caption]

Ainda este ano a Anacom vai dar início a uma campanha de sensibilização para a mudança para a TDT. Também a Portugal Telecom, operador que ganhou a licença, deverá fazer o mesmo, tendo ainda a obrigação de propiciar aos utilizadores com menos recursos económicos soluções mais baratas para a transição do analógico para o digital.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.