A principal feira de eletrónica na Europa já fechou portas e é tempo de balanço dos muitos quilómetros percorridos pelos vários pavilhões da Messe de Berlim, as conferências e pré-conferências e ainda a “outra IFA”. Oficialmente a feira decorreu entre 31 de agosto e 5 de setembro, com mais de 1.800 expositores e ocupando mais de 161 mil metros quadrados, com  as duas áreas totalmente reservadas. A organização não hesita em classificar a IFA 2018 um grande sucesso, como afirmou Christian Göke, CEO da Messe Berlin, e já marcou a data para o próximo ano para todos poderem reservar a agenda: entre 6 e 11 de setembro todas as atenções voltam a centrar-se na cidade alemã.

Os temas da inteligência artificial, reconhecimento de voz, as “coisas ligadas” e também os ecrãs OLED, 8K, e todos os dispositivos que ajudam a uma vida mais “smart” dominaram as atenções dos expositores e visitantes, que ultrapassaram este ano as 245 mil pessoas e que variaram entre os profissionais do sector, os jovens entusiastas de tecnologia e jogos e as famílias (sobretudo alemãs) que fizeram da feira o passeio de fim de semana. Nos dias 1 e 2 não faltaram crianças, algumas com poucos meses, carrinhos de bebés e grupos que incluíam avós e netos que paravam em frente aos televisores de grandes ecrãs, experimentavam os eletrodomésticos, se iniciavam nos jogos e na realidade virtual ou aproveitavam para enrolar o cabelo ou fazer a barba.

Do lado puro da tecnologia esta foi a feira que confirmou que a interação por voz é parte integrante dos interfaces do futuro. A Google Assistant, ajudada por um batalhão de “googlers” vestidos a rigor, estava em quase todos os stands, mas também a Alexa, a Siri e a Bixby se faziam notar. E muitos queriam experimentar, mesmo que isso implicasse falar alemão.

A inteligência artificial passou também de um conceito mais teórico a uma realidade, com vários anúncios do compromisso das empresas nesta área, nomeadamente da Huawei com o Kirin 980 e da própria LG, e os robots tornaram-se ainda mais prevalecentes nos diversos stands, roubando as atenções.

Telemóveis novos não havia muitos, mas as bancas de exposição dos novos LG G7 Think, Sony XZ3 e Motorola One, estavam entre as mais “lotadas” com todos a quererem experimentar, e o Samsung Note 9 não fugia à regra. Embora a MWC continue a ser a feira das comunicações móveis por excelência, os sistemas Andoid e iOS estão hoje integradas com frigoríficos, escovas de dentes, máquinas de barbear, frigoríficos e máquinas de lavar e são totalmente incontornáveis.

Não faltaram também novidades nos computadores, cada vez mais finos e leves e com ecrãs quase sem moldura, com destaque para o Yoga Book C930 e Yoga C930 da Lenovo, mas também para os novos Asus e Acer. O mundo do gaming mostrou mais uma vez ser o mais ruidoso, com jogos comentados ao vivo e grande interesse para experimentar as novas “bombas” e os dispositivos de realidade virtual e aumentada.

O SAPO TEK fez questão de passear em todos os pavilhões da enorme feira, percorrer os muitos corredores, incluindo os dos acessórios e a “outra IFA”, dedicada aos componentes e a marcas OEM, e por isso mesmo na maior parte dos dias da feira o contador de passos registou entre os 12 e os 17 mil passos percorridos, mesmo com a ajuda do sistema de autocarros gratuitos para deslocação entre os pavilhões. Uma canseira, mas que ajudou a descobrir as novidades que vão chegar nos próximos meses ao mercado e que marcam tendências para os próximos anos.

Claro que houve também coisas estranhas, como a fralda que avisa através de uma aplicação quando há chichi ou cócó, o detetor de pesticidas na comida e outras inovações que parecem mais ou menos disparatadas. Ou não, porque se calhar há espaço para inovação em todas as áreas.

Neste link pode recuperar todas as notícias relacionadas com a IFA 2018. No próximo ano lá estaremos outra vez, a acompanhar o que de melhor a IFA tem para oferecer num ambiente que é cada vez mais cosmopolita e envolvido por uma cidade de Berlim que está a cada ano mais preparada para acolher os milhares de visitantes da melhor forma.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.