A IFA só começa oficialmente a 31 de agosto, estendendo-se a 5 de setembro e abrangendo as áreas da eletrónica de consumo, componentes, inovação e também automóveis, mas a verdade é que as novidades começam muito antes, e nos últimos dias já foram divulgados vários produtos que ainda vão chegar este ano às lojas, marcando a "época pré-Natal".

Os dias de hoje e amanhã, 29 e 30 de agosto, estão reservados à imprensa, com várias conferências a acontecerem no espaço da feira e em localizações próximas, no centro de Berlim. A LG e a Alcatel já deram conta de algumas das novidades que vão ter em exposição nos seus stands da IFA 2018, e a ACER fez o mesmo esta manhã. A Lenovo, a Sony, Samsung, BlackBerry, Haier e muitas outras reservaram "slots" do tempo dos jornalistas amanhã, algumas com pré-briefings e acordos rígidos para não divulgação da informação antecipada.

Mas há ainda muito para descobrir, com destaque para os televisores, sistemas de som, pequenos e grandes eletrodomésticos cada vez mais ligados à internet e a aplicações nos smartphones, mas também computadores, tablets e outros equipamentos móveis que nos últimos anos têm invadido a IFA, assumindo uma tendência incontornável. É verdade que o Mobile World Conference, que se realiza no início do ano em Barcelona, continua a ser a feira das comunicações móveis por excelência, mas as principais marcas precisam de mais momentos para mostrar os seus lançamentos num mercado cada vez mais competitivo. Mesmo assim este ano não se esperam grandes anúncios na IFA, depois da Samsung ter apresentado o Note 9 no início de agosto e da Huawei estar a reservar o anúncio do novo Mate para outubro.

Na área dos televisores e sistemas de som o OLED e o 8K prometem dominar as atenções, mas também as barras de som para acompanhar os ecrãs e os smart speakers. A LG já anunciou uma nova TV OLED 8K mas terá mais novidades no portfólio, com colunas de som e um novo smartphone G7 Thinq com Android One, mas não há sinais de um sucessor do LG V30, que foi anunciado na IFA em 2017.

A Samsung deve continuar com a sua alternativa ao OLED, o QLED, e é de esperar algumas novidades no 8K, mas também na gama de Frame TV em que a marca está a apostar. Estas serão linhas de destaque também nos anúncios da Sharp, que na Global Press Conference da IFA também mostrou o seu televisor 8K. Do lado da Philips, despois de uma parceria exclusiva com a B&W anunciada no mês passado é de esperar alguma concretização dos primeiros produtos conjuntos.

Em termos de tablets e computadores também há novidades na calha. A Lenovo que tem sido uma das marcas que se destacam na IFA deve lançar o Yoga 930, o sucessor do 920 com uma nova geração de processadores Intel, e portáteis da linha ThinkPad. No ano passado a Lenovo lançou na IFA o Mirage Solo VR, o seu headset de realidade virtual, este ano esperam-se também novidades nesta área.

E quanto a smartphones? É natural que as várias marcas tenham as suas propostas em destaque nos stands, com o Samsung Note 9 a receber a maior atenção depois do lançamento em Nova Iorque, mas para além do LG G7 Think, uma versão "remodelada" do G7, as novidades esperadas devem vir pela mão da Sony, que pode apresentar um novo Xperia, o sucessor do XZ2 que foi lançado no MWC.

A Motorola, que pertence à Lenovo, deve anunciar dois novos modelos, o Moto One e One Power, e a BlackBerry já mostrou um teaser do Key2 LE, uma versão mais barata do Key2 com um teclado QWERTY físico. E a CAT também tem um novo equipamento para mostrar.

Seria uma grande surpresa se a Huawei decidisse mostrar o Mate 20 na IFA, mas não é uma hipótese totalmente fora do baralho. Está confirmado que no keynote do CEO da empresa será anunciado o Kirin 980, a segunda geração do processador com inteligência artificial que foi lançado na IFA 2017 e que tem sido uma das grandes apostas da marca chinesa que o integrou no Mate 10 e no P20.

Não vão faltar também muitos wearables de marcas como a Samsung, Fitbit e Fossil, e as assistentes virtuais Alexa e Google Assistant, tal como a Cortana e a Siri, vão estar por todo o lado nas colunas que "materializam" as assistentes digitais mas também nas TVs e noutros eletrodomésticos.

Conte ainda com a Kodak que se vai estrear na IFA e que traz no portfólio câmaras de impressão imediata, digitalizadores e projetores portáteis.

O SAPO TEK vai estar em Berlim e vamos calcorrear todos os corredores da feira para lhe trazer as melhores novidades e os hands on possíveis com os melhores produtos da IFA 2018. Passe por aqui para acompanhar todos os anúncios.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.