Duas empresas receberam autorização do departamento de veículos motorizados da Califórnia para começar a fornecer serviços comerciais de transporte urbano com veículos autónomos.  As primeiras empresas a receberem estas licenças são a Waymo e a Cruise, com ligeiras diferenças entre as duas autorizações. 

Os veículos da Waymo, detida pela Alphabet que é também a dona da Google, vão poder circular em modo autónomo, mas com um condutor humano como backup de segurança ao volante. A velocidade máxima em cada viagem pode ir até aos 105 Km/h.  

A licença da Cruise, detida maioritariamente pela General Motors, permite a operação de veículos totalmente autónomos, sem condutor de segurança, os veículos não podem circular a mais 48 Km/h e o transporte de passageiros só poderá realizar-se entre as 10h da manhã e as 18 horas. Tal como acontece na licença concedida à Waymo, só é permitida a circulação em algumas zonas de São Francisco. 

As condições meteorológicas também são tidas em conta nas autorizações concedidas. Os veículos podem circular com chuva leve e nevoeiro ligeiro, com condições piores estão proibidos de andar na estrada. 

Estado da Califórnia proíbe circulação de automóveis autónomos poluentes a partir de 2030
Estado da Califórnia proíbe circulação de automóveis autónomos poluentes a partir de 2030
Ver artigo

Nenhuma das empresas anunciou ainda quando começam a funcionar os seus táxis autónomos, de qualquer forma para que possam fazer viagens pagas terão também de obter uma autorização da California Public Utilities Commission, segundo o Engadget. 

Há uma terceira empresa autorizada a lançar uma operação comercial assente em veículos autónomos na zona de São Francisco, a Nuro, que vai usar carros sem condutor para fazer entregas. Como não terá serviços a bordo, a Nuro pode começar desde já a operar.   Esta empresa também já opera no Texas

Existem mais de 50 empresas autorizadas a fazer testes com veículos autónomos no Estado da Califórnia, que tem sido a zona dos Estados Unidos mais usada para este tipo de experiências, entre testes sem e com passageiros, sem e com condutor de segurança. No ano passado os veículos autónomos percorreram três milhões de quilómetros nas estradas do Estado, a Waymo e a Cruise foram responsáveis por 70%, escreve o The Verge.

A Waymo foi a primeira empresa autorizada a fornecer serviços de transporte urbano com veículos autónomos. A estreia foi em Phoenix, no Arizona, onde a companhia continua a operar, com carros totalmente autónomos.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.